Quebrado, mas nas mãos certas.

05.12.2016

 

São quase 06h e eu ainda estou aqui pensando...
Você já teve a sensação de estar existencialmente quebrado, partido, desfeito, fragmentado? Já viveu uma situação onde parece que está tudo se desintegrando, perdendo o sentido?
Hoje me lembrei do texto de Jeremias 18, quando Deus leva o profeta à casa do oleiro que estava moldando um vaso, mas o que parecia ser belo se desfez. Acidentalmente, o vaso que estava na roda sendo trabalhado perdeu sua forma, porém o oleiro não desistiu daquele projeto e recomeçou a moldá-lo dando-lhe novos contornos. Deus então perguntou ao profeta: "Não posso Eu fazer o mesmo? Como o vaso nas mãos do oleiro, assim são vocês nas Minhas mãos...’’.
Esta metáfora é bastante propícia para nós humanos, porque fomos feitos da mesma matéria-prima dos vasos: o barro. Em Gênesis, vemos que Deus cria todas as coisas com o poder da sua palavra, mas ao criar o ser humano, ele põe a mão no barro. Somos obras de suas mãos. 
Mas há momentos em nossa vida que nos assemelhamos a um vaso quebrado, nos sentimos partidos, assim como no texto de Jeremias onde o vaso se desfez. 
Se você já sentiu uma dor irremediável na alma, ou se já sepultou sonhos nascidos no berço de sua esperança; se já assistiu ruir as colunas que sustentavam seus planos futuros, ou se acreditou numa mentira e amou um personagem; se olhou pra dentro de si e se assustou com o que viu, se foi traído enquanto esperava apoio, ou se já se sentiu em queda livre e não achou onde se agarrar, você sabe bem o que é se sentir em mil pedaços!
Se você se sente assim, quero lhe convidar a se largar nas mãos do Oleiro divino. Se entregue por completo a Deus. Ele aceita uma pessoa em pedaços que se entrega por inteiro, mas não aceita uma pessoa inteira que se entrega em pedaços. Seja apenas barro maleável, passível de transformação. Não queira dizer a Deus como moldar você. Não ore dizendo ‘Faz-me desse jeito, dá-me essa forma’. Não lhe dê idéias, não lhe apresente nenhuma maquete pré-estabelecida. Apenas confie que o Oleiro sabe moldar você. O barro, estando na mão do oleiro certo, pode - e certamente será - restaurado e usado para honra. Escolha ser um vaso inacabado e estar nas mãos de Deus ao invés de ser um vaso pronto e impossível de ser retocado, pois uma vez rachado, não terá solução no ateliê da vida. Fora das mãos do oleiro, todo vaso que quebra vira apenas cacos.
Creia que mesmo diante de toda sua dor, Deus poderá fazer surgir o novo, remodelando sua vida e aprimorando cada contorno do seu ser. Todo acidente na olaria de Deus coopera para o bem do vaso que está nas mãos Dele.
Meu desejo é que até meu último dia de vida eu seja um vaso inacabado e que eu seja sempre moldado, ainda que através da dor, pelo meu Deus, o oleiro da minha alma.

Pr. T. Tomas
Paz na alma

 

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Siga a gente
  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon
Categorias
Please reload

Venha nos visitar. Queremos muito te dar um abraço.

 

Rua Benfica, 780 - Madalena

Recife, PE

 

Horários de cultos:

Domingo: 10h, 16h30 e 19h

Feito com ♡ pela Abacat